domingo, 26 de julho de 2009

Recordes no Circuito Brasil Paraolímpico

O sábado foi de festa para o atletismo com a quebra de quatro recordes nacionais na Etapa Regional Centro-Leste do Circuito Loterias Caixa Brasil Paraolímpico.
No primeiro dia de prova, Alan Fonteles bateu os recordes dos 100m e 200m rasos (T44), com os tempos de 11s96 e 23s49, respectivamente. Alan, de 16 anos, é o único atleta biamputado do país e foi medalha de prata no revezamento 4x100m em Pequim.
Outra atleta medalhista na Paraolimpíada-2008, Shirlene Coelho foi o destaque feminino nas provas de lançamento de disco e arremesso de peso. Ela lançou o disco a uma distância de 23,83m e cravou 10,31m no arremesso de peso, estabelecendo novos recordes.
Já Paulo Douglas chegou a novas marcas nas provas de lançamento de dardo (38,21m) e de disco (36,71m). Terezinha Guilhermina confirmou o favoritismo e venceu os 100m rasos (T11), prova em que é a atual campeã mundial. A corredora cega também chegou em primeiro lugar nos 200m, prova em que conquistou a medalha de ouro em Pequim.

sábado, 25 de julho de 2009

Ministro entrega medalha a grande campeão

O ministro do Esporte, Orlando Silva, prestigiou o nadador da classe S5 Daniel Dias, neste sábado, no Complexo Aquático do Centro Poliesportivo Ayrton Senna, em Brasília. O atleta disputa a última etapa regional do Circuito Brasil Paraolímpico, a Centro-Leste. Daniel participou de três provas (100m peito, 200m livre e 50m costas) e não encontrou dificuldades para vencê-las. Eleito recentemente o melhor atleta paraolímpico do mundo, recebeu a medalha de ouro dos 200m livre das mãos do ministro Orlando Silva.

“É uma glória para o Brasil ter Daniel Dias como o maior atleta do mundo. Com este prêmio, ele colocou o seu nome na história. Isso faz dele uma referência para todos os jovens que praticam esporte, não só o paraolímpico como para o desporto em geral”, afirmou Orlando Silva.


Daniel Dias voltará à piscina no domingo. Ele disputará os 50m livre, 50m borboleta e os 200m medley.

quarta-feira, 15 de julho de 2009

PEQUENO GRANDE HERÓI

A crônica abaixo foi utilizada no Stadium, programa esportivo da TV BRASIL, no domingo passado em homenagem ao Dia Internacional Paraolímpico, comemorado em 11 de julho. As imagens do grande Lucas Emanuel Ito, nadador com deficiência nos braços e pernas, comoveram a todos, com a demostração de força de vontade.

"QUEM NUNCA FICOU CABISBAIXO APÓS UMA DERROTA NO DIA-A-DIA?

QUEM NUNCA PENSOU EM DESISTIR DOS PRÓPRIOS SONHOS E PENSOU SER INCAPAZ DE REALIZAR UMA DETERMINADA TAREFA?

BEM... LUCAS EMANUEL ITO MOSTRA QUE O SER HUMANO É CAPAZ DE REALIZAR TUDO QUE DESEJA.//

QUEM DISSE QUE EXISTEM LIMITES PARA O HOMEM? O NADADOR DA CLASSE S-1 LUCAS EMANUEL ITO PROVA QUE O VERBO MAIS IMPORTANTE DA LÍNGUA PORTUGUESA É QUERER. E BASTA QUERER PARA PODER.

CADA VEZ QUE LUCAS ENTRA NA PISCINA PARA COMPETIR, VEMOS QUE OS OBSTÁCULOS COTIDIANOS SÃO PEQUENOS PERTO DA GRANDIOSIDADE DO HOMEM.

INCAPACIDADE É UMA PALAVRA INEXISTENTE NO VOCABULÁRIO DESTE CAMPEÃO. IMPOTÊNCIA NÃO FAZ PARTE DA VIDA DE LUCAS.

PARA SUPER-ATLETAS, OS RECORDES SÃO IMPORTANTES E AS MEDALHAS TAMBÉM. MAS, NO DIA INTERNACIONAL PARAOLÍMPICO, COMEMORADO NO DIA 11 DE JULHO, ESSES GRANDES HOMENS LEMBRAM A TODOS SOBRE A IMPORTÂNCIA DA FRASE 'QUERER É PODER'.

ELA ESTÁ NA BOCA DO POVO E ALGUMAS VEZES É ATÉ BANALIZADA, MAS TALVEZ SEJA UMA DAS FRASES MAIS INTELIGENTES DE TODOS OS TEMPOS."

segunda-feira, 6 de julho de 2009

Atleta de ponta vende material esportivo para se sustentar

Uma notícia triste para o esporte paraolímpico brasileiro. Uma das melhores mesatenistas do país, Jane Karla Rodrigues está sem patrocínio. Porém, a atleta não se deu por vencida. Agora, para conseguir dinheiro para competir, Jane vende material esportivo.

O Governo do Estado de Goiás deu uma ajuda de custo à medalhista parapan-americana em algumas competições internacionais, mas isto é muito pouco para uma atleta do gabarito de Jane Rodrigues.