quinta-feira, 3 de julho de 2008

Clodoaldo será reavaliado

O Comitê Paraolímpico Internacional (IPC), entidade máxima do esporte paraolímpico, recebeu e aceitou um protesto para que o atleta Clodoaldo Silva – nadador da classe S4 – seja reavaliado com relação a sua classificação funcional antes dos Jogos Paraolímpicos de Pequim, em setembro. O país autor do protesto não foi divulgado pelo IPC.

A entidade fez um comunicado oficial ao Comitê Paraolímpico Brasileiro, que já repassou a informação ao atleta. Clodoaldo Silva tinha, segundo o ofício enviado ao Brasil, duas opções para passar pela junta de reavaliação: uma competição aberta no Canadá, a Can-Am Disability Championship, na próxima semana, ou o período oficial de classificações funcionais em Pequim, de 1º a 4 de setembro. Os Jogos Paraolímpicos começam no dia 6.

Dirigentes do CPB orientaram o atleta a optar pela reavaliação no Canadá. Nesse caso, ele teria tempo de reação no caso de um resultado negativo. Clodoaldo afirmou estar com uma contusão e que prefere passar pela banca em Pequim.

A classificação é um fator de nivelamento entre os aspectos da capacidade física e funcional. Cada modalidade determina seu próprio sistema de classificação, baseado em aspectos funcionais. O atleta é submetido a uma avaliação por uma equipe de classificadores que determina a classe esportiva do atleta, através de testes de força muscular, mobilidade, testes funcionais (realizados na água) e análise de resíduo muscular.

Tais classificadores são credenciados pelo IPC e têm formação médica, técnica e fisioterápica.

Nenhum comentário: