sexta-feira, 16 de maio de 2008

QUE VIVA ÁFRICA DO SUL!

Paulo Vitor, do site NOTÍCIAS PARAOLÍMPICAS (http://www.einclusao.net/)

Estava em um importante seminário sobre educação especial no Instituto Brasileiro dos Direitos da Pessoa com Deficiência quando recebi a bela notícia de que o velocista sul-africano Oscar Pistorius, conhecido como ‘Blade Runner’ por correr com próteses nas pernas, vai poder participar da Olimpíada de Pequim, em agosto. A liberação do Tribunal Arbitral do Esporte é um fantástico avanço intelectual.

Alguns dentro do movimento paraolímpico não aprovam a decisão de Pistorius de disputar uma competição para atletas sem deficiência, deixando de lado a Paraolimpíada. Não é o meu caso. O velocista notou de maneira brilhante que teria potencial para disputar de igual para igual com outros sem comprometimento físico e foi à luta.

Oscar Pistorius é o exemplo de que a pessoa com deficiência pode ter destaque em qualquer profissão. É a prova de que a pessoa com deficiência pode (e deve) mostrar sua competência em qualquer segmento. Pistorius dá esperança para aqueles que acreditam numa sociedade menos excludente e preconceituosa.

Além de Pistorius, a nadadora sul-africana Natalie Du Toit, amputada de parte da perna esquerda, vem assombrando o mundo e conquistou índice olímpico. A África do Sul está se transformando no berço de grandes atletas, sinônimos de superação. Oscar e Natalie são os Hefestos pós-modernos! Viva a África do Sul!

Nenhum comentário: